Hannah Arendt – 002

hannah-arendt-002

Quando cerca de duas décadas após o término da II Guerra Mundial, o mundo ainda se recuperava dos horrores da guerra, Hannah Arendt empreendeu a tarefa de escrever uma das maiores obras do Século XX: “As Origens do Totalitarismo”.

No livro Hannah fez uma pesquisa exaustiva sobre os acontecimentos que levaram genocídio de mais de 6 milhões de judeus na Europa. Logo na introdução à parte em que estuda as origens do antissemitismo, Hannah explica o objetivo de seu livro:

“Creio ser óbvio que isso [a primeira ocorrência de genocídio na história da civilização ocidental]
exige não apenas lamentação e denúncia, mas também compreensão . . . Este livro é uma tentativa de compreender os fatos.”

Mais do que nunca, voltamos a viver, como a geração do início do século passado, em tempos tumultuados nos quais os acontecimentos mundiais deixam perplexas todas as pessoas de bem. Aparentemente o mundo nada aprendeu dos horrores da II Guerra. Mais do que nunca as palavras de Hannah Arendt na figura cima se tornam um lembrete e um alerta para o despertar das consciências de todos os que discordam do que vêem acontecer diuturnamente diante de seus próprios olhos no Brasil e no mundo.