Pátria Grande? Este sim um forte motivo para impeachment.

A triste cena de ver o povo brasileiro ser esbofeteado na cara com a presença de nossos militares nesse encontro de assassinos e terroristas.

dilmaduro

O motivo pelo qual algumas pessoas estão pedindo impeachment a meu ver parece equivocado. As supostas fraudes nas urnas eletrônicas fazem parte das regras do jogo combinadas entre as partes. Não vejo que isso dê resultados. Mas cada um é cada um…

Só que a declaração de vários tiranetes da América Latina afirmando que a vitória da presidente Dilma está diretamente relacionada a “ações revolucionárias” de países como Venezuela, aí sim é motivo para impeachment. (Além, é claro, do aparelhamento estatal, especialmente na campanha, e a corrupção endêmica)

E já passou da hora de Dilma ser chamada ao Congresso para explicar o que significa o termo “Pátria Grande” proferido por esses tiranetes.

Veja o que disse Cristina Kirchner logo após a eleição:

Querida companheira e amiga Dilma, felicidades pelo triunfo. Grande vitória da inclusão social e da integração regional, um passo a mais para a consolidação da pátria grande.

Claro que…

View original post mais 202 palavras

Decreto bolivariano é derrubado pela Câmara. Falta o Senado.

Ainda resta uma batalha a ser vencida para tirarmos de vez de nossa vida este maldito monstro gramcista-bolivariano. Com a quebra da Petroras o dinheiro com o qual o PT conta para destruir nossa democracia pela compra de votos de nossos políticos “patriotas” anda escasso mas o Senado está nas mãos do nada confiável PMDB, por isso temos que continuar espalhando a resistência a esses criminosos.

Dilma-Rousseff-20130828-01-size-598 (1)

Dilma Rousseff sofreu um duro baque hoje na Câmara dos Deputados, com a derrubada de seu decreto bolivariano. Leia a notícia, direto do site da Câmara:

O Plenário da Câmara aprovou nesta terça-feira o projeto (PDC 1491/14) que anula o decreto presidencial que criou a Política Nacional de Participação Social, com diversas instâncias para que a sociedade influencie as políticas públicas. Foram necessárias duas horas e meia para vencer a obstrução do PT, PCdoB e Psol que tentaram impedir a votação.

A oposição – apoiada pelo PMDB, pelo PSD e outros partidos da base – critica o decreto por considerar que ele invade prerrogativas do Congresso Nacional e pode significar uma tentativa de aparelhamento do Estado, já que toda a participação será coordenada pela Secretaria-Geral da Presidência.

O governo, por outro lado, afirma que o decreto tem como objetivo ampliar o diálogo do Executivo com os movimentos sociais.

Após…

View original post mais 147 palavras

Presidente do PT confessa tentativa de golpe de estado enquanto os republicanos dormem

Como já era previsto, a derrota de Aécio assanhou os bolivarianos gramcistas, escravos do Foro de São Paulo, que se apressam em usar as armas democráticas para implantar sua ditadura. Não há porque esmorecer nossa oposição aos criminosos que firmaram suas garras na República Brasileira. Se desistirmos deixamos aberta para eles as portas para o massacre do povo brasileiro.

2013100736176

Enquanto uma boa parte dos republicanos está perdendo tempo discutindo coisas que não vão acontecer (como impugnação dessas eleições), o PT resolveu focar no que é mais importante para eles: dar o golpe bolivariano.

Não há nada de especulação nisso, mas a confissão do presidente do PT, Rui Falcão, conforme matéria da Folha. Veja o trecho abaixo:

Nesta segunda, o presidente do PT, Rui Falcão, reconheceu as dificuldades para aprovar uma reforma política.

“Só vamos obter reforma política através de plebiscito com essas mobilizações [de movimentos sociais]. Só pelo Congresso, seja com a atual configuração, seja na futura, é praticamente impossível”. Segundo ele, a reforma política e regulação dos meios de comunicação são prioridades.

Como se preocupam com o Brasil esses petistas, não?

O país vivendo uma fuga de investimentos, queda na Bolsa, um PIB ridículo e o avanço do desemprego (não aquele indicador de 4,9% do IBGE, que vira…

View original post mais 385 palavras

Depois das eleições

distanasia
Acabo de votar.

Votei no Aécio e, porque jurei nunca mais anular meu voto, votei no Pezão, porque acredito que os milicianos são menos piores do que a Igreja Universal do Crivella. Não havia alternativa no Rio, então escolhi o que para mim pareceu o mal menor.

Nesta altura do campeonato acredito que este meu comentário não terá influência alguma sobre quem vier a lê-lo.

Votei no PSDB mas não espero que o Aécio seja eleito porque os marginais do PT têm a chave da urna eletrônica.

As pesquisas chapa branca proclamam empate técnico. Ora se há “empate” nas preferências do público, então qualquer um pode ganhar. Se a contagem dos votos fosse honesta e confiável, não estaria aqui escrevendo, mas em se tratando de um registro e de um cômputo feito por uma máquina que é facilmente fraudável como o comprova o testemunho de alguns especialistas no assunto, cuja fraude não poderá ser desmascarada e cujo maior guardião foi advogado do PT, não espero resultado favorável à oposição. Antes e durante o primeiro e segundo turno tentei chamar a atenção para este fato. Várias pessoas mais importantes e conhecedoras do que eu também alertam há muito sobre o problema. Mas nada se fez.

Agora pipoca na Internet o boato sobre a morte do doleiro Youssef, que delatou Lula e Dilma no esquema de corrupção que levou a Petrobras ao fundo do poço. Embora seja – ainda – apenas um boato tenho tudo para acreditar, já que lidamos com narco-traficantes.

Não é muito glorioso o futuro que eu vejo para o meu país, meus amigos, minha familia e eu mesmo.

Que Deus, se de fato existe, se apiede de nós e proteja nossa pátria!

Eu acuso

jaccuse1919

Sem dúvida, o professor e filósofo Olavo de Carvalho ocupa um lugar de honra no grande movimento de recuperação da dignidade do povo brasileiro que culminará em breve com a derrocada e exclusão na República do governo petista, a primeira de uma longa série de etapas que levarão à total eliminação do câncer petista de nossa sociedade.

Há mais de vinte anos, o prof. Olavo nos alerta dos perigos mortais que se escondem sob o manto da assim chamada “revolução cultural”, nada mais do que a solução gramcista de tomada do poder, baseada na infiltração sutil e na destruição de valores que visa as próprias bases da sociedade: a moral, a ética e a religião.

Já em seus artigos, transcritos em A Nova Era e a Revolução Cultural: Fritjof Capra & Antonio Gramsci[01] de 1994, o primeiro que compõe a trilogia que se completa com O Jardim das Aflições, de 1995, e oO Imbecil ColetiVo, de 1996, temos disponíveis as pérfidas intenções e táticas revolucionárias que tomaram de assalto o imaginário do povo brasileiro a ponto de firmar um distorcido “senso comum”, contra o qual a um bom número de pessoas ainda se calam, temendo ser pejorativamente identificadas como reacionários e conservadores, “senso comum” criado no povo brasileiro, de acordo com a mais pura técnica imaginada e desenvolvida pelo fundador do Partido Comunista Italiano, Antonio Gramsci.

Uma das consequências da cultura gramsciana que vem sendo impingida à opinião pública brasileira por um grupo de “intelectuais” comprometidos com o pensamento marxista que ainda dominam a nossa cultura, é o glamour que esses auto proclamados “intelectuais” dão à contravenção e aos contraventores. Glamour esse distribuído ao público através de nossa literatura, nossa música popular, nosso teatro e nosso cinema. Tal santificação do bandidagem, acompanhada pela demonização da sociedade em geral pelos mentores gramscianos do pensamento único só tem contribuído para maior sofrimento da população e para a impunidade dos verdadeiros criminosos. Tais intelectuais e políticos sociopatas culpam a Sociedade e a responsabilizam pelo comportamento do meliante que trafica, do assassino que mata, e do pervertido que estupra. Afirmam que o criminoso é assim por causa das injustiças da Sociedade e não porque tenha algum grave desvio moral / psicológico.

Comentando um incidente ocorrido depois de noticiada a transferência do líder do PCC (Primeiro Comando da Capital), Marcos Camacho (o Marcola), a matéria OS Gurus do Crime, publicada em 2001 conclui, com palavras que, embora tendo sido escritas em 2001 continuam tão atuais como se estivessem sendo escritas neste exato momento:

  • São culpados da rebelião carcerária todos os que, há cinco décadas, a desejam e a fomentam com seus discursos ideológicos, seja por decisão voluntária ou por cumplicidade sonsa.
  • São culpados todos os que, rejeitando nominalmente esses discursos, se abstêm de combatê-los sob a desculpa infame de que se tornaram inofensivos após a queda do Muro de Berlim.
  • São culpados todos os que, sabendo que doses letais de ódio revolucionário são diariamente injetadas nas cabeças de milhões de crianças brasileiras, nada fazem para desmascarar essa pedagogia do abismo.
  • São culpados todos os que, por comodismo, por paternalismo, por medo de levar na testa rótulos pejorativos, por desejo abjeto de fazer bonito ante o esquerdismo chique, não movem um dedo para impedir que a cultura e a psique da nossa gente seja infectada com os germes dos mais baixos instintos de vingança política, adornados com rótulos edificantes como se fossem a expressão mais alta da moralidade humana.

[01]CARVALHO, OLAVO. A Nova Era e a Revolução Cultural:Fritjof Capra & Antonio Gramsci. 4ª Edição. São Paulo:VIDE Editorial. 2014. ISBN 978-85-67394-26-8.

Declarações de tiranetes bolivarianos e adeptos da América Latina mostram que o PT ataca a soberania nacional e trai a Pátria

Hoje, 18/10/14, de manhã publiquei o seguinte comentário no meu status:

“Ontem eu criticava o PT pela corrupção.

Hoje, o saque do dinheiro público é o menor de nossos males, combato o PT por eu ser contra a ditadura socialista que o Partido se esforça por implantar no Brasil!

Todas as reivindicações, todas as assim faladas”conquistas sociais” nada são diante da perda de nossa liberdade e de nossa soberania para tiranetes esquerdistas como os Castro, Maduro, o traficante, falso índio, Evo Morales, a perua tresloucada da Kirchener e o Jose “Biruta” Mojica, do Uruguai.”

Agora leio a matéria escrita no seguinte link da página Ceticismo Político do Luciano Ayan:

mujica

A nova “campanha do medo” bolivariana se baseia em dizer que “se Dilma não ganhar, a coisa vai ferrar… para Uruguai, Bolívia, Venezuela, Argentina e Cuba”. Pelo menos essa é a impressão que os discursos de militantes e tiranos bolivarianos nos passam.

O que significa trair a pátria? E mesmo violar a soberania nacional? E por que isso é tão grave para o povo que vive em seu país. Simplesmente espera-se que o governo de um país atue em prol de seu povo, e não para beneficiar outras nações em detrimento de seu povo. A lógica para isso é óbvia demais: quem paga impostos aqui no Brasil são os brasileiros (e os estrangeiros que se mudaram para cá), não os outros países. É por isso que quando o governo do PT envia dinheiro para Cuba, está violando a soberania nacional e colocando os interesses de uma ditadura sanguinária acima dos interesses de…

View original post mais 1.143 palavras

Jovem nordestino envergonha Lula e Dilma

A estupidez grosseira do PT ao tentar dividir o país entre nordestinos e sulistas deveria ser punida com a prisão dos meliantes como incitação à guerra civil. Nas ditaduras que eles amam isto seria punido com fuzilamento , na melhor das hipóteses, ou com a decapitação filmada depois deles tentarem o diálogo com seus algozes.

Lula-e-Sarney

Este ótimo vídeo do Ficha Social abaixo mostra a declaração de um jovem nordestino, suficiente para envergonhar a campanha petista, que consegue ser a mais vergonhosa já feita. (Embora tecnicamente a equipe de marketing do PT seja perfeita, existe claramente uma deformação moral do partido contrante da campanha, que mente sem parar)

Claro que ainda vejo um problema político quando ele critica a ignorância das pessoas de um estado, pois, na ótica petista, tudo que um adversário fala pode ser desconstruído (e é assim que agora devíamos agir com eles também). Por isso, eles podem acusá-lo de “discriminação” e usar chiliques histéricos, baseados em sensibilidade artificial.

Mas a verdade que deve ficar mais clara é que o PT está fazendo um discurso de ódio para jogar os nordestinos contra os outros brasileiros, enquanto o PSDB faz uma campanha para todos os brasileiros. É claro que Dilma tem agido de maneira…

View original post mais 72 palavras